Email marketing para vendas e pós-vendas

André Tini

O email marketing para vendas e pós-vendas nada mais é do que o uso do correio eletrônico para comunicação direta com o lead, tanto para convertê-lo em cliente como para fidelizar.

Email Marketing

O email marketing para vendas e pós-vendas nada mais é do que o uso do correio eletrônico para comunicação direta com o lead, tanto para convertê-lo em cliente como para fidelizar.

O email marketing ainda parece uma controvérsia para quem entra no mundo do marketing digital, assim como o blog para produção de conteúdo. Não é difícil ouvir alguém dizer:

— “Será que alguém ainda lê email em pleno 2019 com tanto movimento nas redes sociais? E blog? Coisa antiga dos anos 2000.”

É compreensível, mas isso é um pensamento de novatos, digamos assim, pois ao se aprofundar no tema e ver os resultados que o correio eletrônico gera ainda hoje, fica claro o porquê de tantas empresas ainda incluírem o email marketing para vendas e pós-vendas nas suas estratégias.

Vender é uma necessidade de qualquer empresa, sejam produtos ou serviços e isso deve fazer parte das estratégias de Inbound Marketing para Pequenas Empresas que desejam alcançar o sucesso.

Bruno Pinheiro, CEO da BE Academy, afirmou numa consultoria para o programa O Anjo Investidor no Youtube que muitas empresas iniciantes cometem o erro de focar no produto e na operação, esquecendo o principal, as VENDAS.

Portanto, se você quer preparar sua empresa para o crescimento é preciso focar no que dará rendimento e possibilidade de investimentos. E, nisso o email marketing para vendas e pós-vendas é um grande parceiro.

Por isso, para tornar claro quais são as vantagens do email marketing para vendas e pós-vendas nos dias de hoje, nós preparamos este texto com bastante informações. Quando terminar a leitura, por certo irá iniciar sua estratégia de vendas com o email.

Este artigo tem um tempo estimado de leitura de 10 minutos, mas se quiser lê-lo por partes, nós o dividimos da seguinte forma:

  • O que é email marketing
  • Por que usar email marketing para vendas
  • A importância do email no pós-venda
  • Como criar email marketing para vendas e pós-vendas
  • 3 ferramentas para email marketing

Temos certeza que após a leitura deste texto você poderá melhorar bastante suas vendas. Se tiver alguma dúvida, não esqueça de deixar nos comentários.

O que é email marketing

O email marketing nada mais é do que o uso do correio eletrônico para comunicação direta com o lead, tanto para convertê-lo em cliente como para fidelizar os que já são clientes da empresa.

Se a maioria das empresas iniciais esquecem das vendas, imagine então da pós-venda. Muita gente ignora a pós-venda, achando que não é necessário, mas se você quer ser uma empresa de sucesso, é preciso encantar os clientes, concorda?

Fidelizar o cliente é o desejo de todo empreendedor, pois assim sua marca alcançará um nível de reconhecimento e de vendas invejáveis, a ponto de colocar qualquer concorrente no chinelo.

E isso também pode ser feito por email, assim como outras estratégias de Inbound Marketing, veja como podemos usar essa poderosa ferramenta de comunicação:

  • newsletter: email informativo com novidades de produtos, serviços ou até mesmo promoções
  • emails promocionais: essa forma de comunicação com o lead deve ser menos frequente, só usado em lançamentos ou super promoções
  • datas comemorativas: conteúdos ou promoções relacionadas a datas comemorativas que façam sentido para seus serviços e produtos
  • boas vindas: este tipo de email é destinado ao lead recém chegado, aquele que acabou de se inscrever na sua plataforma, que precisa ser bem recebido
  • agradecimento: este deve ser enviado para os clientes que compraram um produto ou serviço.

Esses são alguns dos meios eficazes de aumentar suas vendas e a interação com seu cliente, mas vamos ver o porquê você deve usar email marketing para vendas e pós-vendas.

Por que usar email marketing para vendas

O uso do email marketing para vendas não pode ser ignorado, sabe quem diz isso? Os números. Para ter uma noção, veja os dados de pesquisas realizadas por Marketing Sherpa, Radicati Group, Pew Research, Hubspot, Exac Target e Campaing Monitor:

Por que usar email marketing para vendas

  • 4,3 bilhões de contas de e-mail pelo mundo
  • 92% delas usam o correio eletrônico
  • 62% checam os emails todos os dias
  • 72% gostam de se comunicar com as empresas por email
  • 80% abrem a caixa de email pelo celular
  • 35% abre o email só olhando o assunto

Viu que coisa linda? São números maravilhosos, não acha? Espaço para ter sucesso não falta, basta traçar o caminho correto para o seu negócio e colocar esses números ao seu favor.

É possível perceber com esses dados que o email marketing para vendas e pós-venda é o que toda empresa precisa para alavancar seus negócios.

Agora me diga: você acha que o email é uma plataforma ultrapassada? Veja como esses números podem ajudar a traçar seu caminho.

Dicas para montar uma estratégia de email marketing

Para que uma estratégia de email marketing para vendas e pós-vendas dê certo é preciso considerar 3 pontos, que entendemos ser fundamentais, veja:

1 — Conhecer seu lead e seu cliente

Para que a comunicação do email marketing ocorra bem é preciso que ambos entendam o que o outro fala, concorda? Sendo assim, tanto o seu cliente precisa te entender como você precisa entender ele.

E para que isso ocorra você precisa conhecer bem as pessoas que têm interesse no que sua empresa oferece, mas como fazer isso? Vamos ver:

  • estudar a persona do seu negócio
  • saber qual a língua falada por cada cliente
  • personalizar os emails.

Não é a toa que a afirmação do gramático Evanildo Bechara se mantém muito atual, segundo ele, o “falante do português deve ser um poliglota na própria língua”.

Se seu público é jovem e gamer então você deve usar a língua e as referências atuais do mundo dos games, já se ele for um gamer de meia idade os termos e as referências devem ser diferentes.

Com isso, você estará se aproximando mais e gerando confiança, além disso, ao fazer isso seu email dificilmente será ignorado.

Falando a língua do seu público e conhecendo o ambiente sociocultural dele, haverá mais chances de compra. Afinal, você vai criar uma relação agradável com ele, quase de amizade. Este é o primeiro ponto, o seguinte precisa desse, veja:

2 — Escrever um bom assunto

O primeiro ponto de contato do email marketing para vendas e pós-vendas com o cliente ou lead é o assunto. Você provavelmente já deve ter ignorado um email que chegou com um assunto desinteressante, certo?

Todo mundo já deve ter feito isso e não poucas vezes. Essas coisas acontecem por diversos motivos que às vezes não podemos mudar como:

o usuário abre o email, não tem tempo de terminar a leitura, acaba deixando para depois e esquece de continuar.

Porém tornar o email marketing mais interessante é algo que podemos fazer para estimular a abertura da mensagem. E isso se faz com um bom assunto. Veja o que você deve considerar quando for criar um assunto de email:

  • deixar claro o benefício que o usuário terá se abrir o email: “consultoria grátis para você”
  • estimular a curiosidade: “Desculpe por isso”
  • dar urgência ao assunto: “24 horas com 30% de desconto”
  • fazer perguntas: “como fazer uma lista de casamento?”
  • usar emojis: insira um emoji que seja compatível com sua persona.

Com isso você conseguirá atrair a atenção do leitor e fazer com que ele abra o email e leia, lembre-se que 35% das pessoas abrem o email só olhando o assunto.

Procure personalizar o assunto, pois repetições podem ser visto com maus olhos, as pessoas gostam de empatia, de se sentir prestigiadas e quando você cria um modelo para todos ela pode não gostar e ignorar sua mensagem.

Você também deve investir em marketing de conteúdo para escrever algo que seja relevante ou, dependendo de sua estratégia, contratar um copywriting para elaborar um texto que faça o seu lead comprar.

Afinal, não adianta o assunto ser de interesse da persona e o conteúdo do e-mail ser chato, concordas? Então, foque no primeiro ponto.

3 — Adapte seu conteúdo

O último ponto para construir um excelente e-mail marketing para vendas e pós-vendas é considerar que 80% dos usuários checam seus emails pelo celular, sendo, segundo a litmus, os principais apps:

  • iPhone da Apple
  • Gmail
  • iPad da Apple
  • Outlook
  • Email Apple

Então, é preciso criar emails que sejam responsivos, ou seja, que possam ser visualizados sem problemas em qualquer tela, seja de um celular ou de um tablet, a qualidade tem que ser a mesma.

Você precisa conhecer os principais clientes de email para smartphone e adaptar seu email marketing a eles. Levando conforto ao usuário. Fazendo isso, você conseguirá que mais pessoas leiam sua mensagem e consequentemente comprem seu produto.

Mas não pense que acaba por aí, você precisa criar um site que também seja responsivo. Imagine só: a cliente leu seu e-mail, adorou o conteúdo, clicou no link e pá! Foi direcionada a um site feio, nada intuitivo e lento. É desistência da compra de imediato.

Além disso, você precisa investir em pós-venda, veja porquê:

A importância do email no pós-venda

O email marketing pós-venda faz parte de uma das estratégias de Inbound Marketing para encantar o cliente, isso mesmo, não basta vender o produto uma só vez, é preciso encantar a persona para que ela compre novamente e mais do que isso, traga outros clientes até você.

É claro que não estou dizendo que só o email marketing é o suficiente para encantar seu cliente, é evidente que você precisa ter um produto ou serviço de qualidade, um bom atendimento, canal de comunicação eficaz, etc.

Por isso, dissemos que o email marketing pós-venda constitui uma das partes da estratégia e ele tem uma posição importante nisso.

Sabemos que o investimento em aquisição de cliente é alto, investe-se em:

Ou seja, gasta-se bastante energia para atrair o lead e convertê-lo em um novo cliente. Diante disso, não podemos parar por aí, afinal, manter um cliente é bem mais barato, não é preciso investir em muita coisa, basta pensar na experiência do usuário e criar uma comunicação eficaz.

Mas vamos, por enquanto, focar no pós-venda eficiente, via email, para um bom relacionamento com o cliente.

Quando alguém compra um produto e se dá conta de que fez um bom negócio, ou seja, que o produto ou serviço é de qualidade e resolveu o problema, ele quer contar para os outros como foi sua experiência, não é mesmo?

Por isso, não importa a área que a pessoa trabalha na empresa, o dever de todo funcionário é trabalhar para gerar confiança e encantar o cliente, seja ele o CEO ou da área financeira ou ainda da manutenção.

Encantar o cliente deve ser a cultura da organização e todos devem estar cientes disso. Sendo assim, no e-mail de pós-venda não pode ser diferente. Veja o motivo:

As influências na decisão do cliente

No livro Marketing 4.0, de Iwan Setiawan e Philip Kotler, há uma abordagem sobre o que influencia na decisão de compra dos clientes que é muito útil para nós.

A decisão de compra pelo consumidor passa por 3 tipos de influências:

  • externa
  • outros
  • próprio.

A influência externa vem de campanhas de marketing, que podem ser vídeos de propaganda ou até mesmo panfletos de rua, onde se demonstrado as vantagens que determinado produto oferece.

Às vezes, até com opiniões de especialistas, dados estatísticos ou testemunho de celebridades e influenciadores digitais.

Já a influência dos outros está ligada às pessoas mais próximas da persona como familiares, amigos e até grupos ao qual a pessoa pertença. Isso está ligado diretamente ao trabalho de pós-venda: é o famoso boca a boca.

E, ainda hoje, o boca a boca é o maior motivador de compra. Porque as pessoas confiam em quem elas conhecem, se o amigo dela diz: “esse produto é o melhor”, ela vai querer comprar esse produto e não outro.

E por fim, a influência própria que reflete a experiência que o cliente teve ao usar o produto ou serviço.

O foco do email marketing para pós-vendas é contribuir com a influência própria para que o cliente seja um influenciador boca a boca. Ou seja, o e-mail faz parte de uma estratégia de conquista do cliente, de encanto.

E como se faz isso? Quando um cliente compra com você, é o momento de se aproximar ainda mais dele, para isso você pode mandar e-mails que:

  • agradeça e ajude o cliente a entender melhor o produto que comprou: envie seus agradecimentos e junto um manual interativo, ou indique um vídeo sobre o funcionamento do produto, ou desenvolva um ebook mostrando as possibilidades de uso, etc.

Tenha certeza, com isso a relação do cliente com você irá se intensificar e você poderá até ver alguns elogios na redes sociais. Mas não pare por aí:

  • peça uma avaliação: mande um email marketing pós-venda perguntado o que o cliente achou do produto, quais as considerações dele sobre o serviço, escute o que ele tem a dizer.

Essa prática, pode ser usada como influência externa para que outros vejam a avaliação do seu produto e servirá como feedback para aperfeiçoar seu serviço. Você pode continuar:

  • ofereça ofertas exclusivas: agora que você já tem uma relação melhor com o cliente, você pode oferecer uma oferta exclusiva via e-mail marketing de algo relacionado a compra anterior.

É certo que o cliente se sentirá prestigiado, e que tal mandar os parabéns no dia do aniversário dele? As possibilidades são muitas, mas lembre-se a relação deve ser sempre balanceada, não adianta lotar a caixa de entrada do cliente, certo?

Fazendo isso, você cria uma relação de amizade e seu cliente será um advogado da sua marca. Isso poderá ser medido na interação dele com sua marca via redes sociais e até mesmo e-mail. Por isso, deixe sempre um canal de comunicação disponível.

Para finalizar e ajudar você a colocar nossas dicas em prática, veja algumas ferramentas que podem facilitar seu trabalho com email marketing para vendas e pós-vendas.

3 ferramentas para email marketing

O email marketing para vendas e pós-vendas é muito importante, certo? Já vimos isso, agora iremos compartilhar com vocês algumas ferramentas que ajudarão a otimizar seu trabalho, confira:

MailChimp: essa ferramenta é uma das mais usadas no mundo, com ela você pode criar grupos de personas e enviar um e-mail marketing para venda e pós-vendas personalizado para cada um. Além disso sua interface é responsiva, ou seja, adaptada para todas as telas, a navegação é bem intuitiva e o melhor, há um plano gratuito, aproveite.

Nitronews: empresa brasileira que se destaca pela facilidade com que se monta os e-mails, são vários layouts adaptados aos dispositivos móveis com um ótimo editor de texto e caso você tenha dificuldades, o que será difícil, eles possuem um suporte bem rápido. E, é claro, também há um plano gratuito.

AWeber: se você quer uma opção avançada com inúmeras possibilidades, essa plataforma é excelente, principalmente se você tiver que enviar uma grande quantidade de e-mails. O custo benefício é bem interessante e há 30 dias de teste gratuito. Essa opção é mais avançada e exige alguém especializado, diferente das anteriores onde qualquer um pode usar.

Conclusão

O email marketing para vendas e pós-vendas permite que a empresa cresça e tenha sucesso, pois é uma ação pautada na venda e no encanto do cliente. Mostrando-se uma ótima opção nas estratégias de Inbound Marketing.

Quem quer crescer precisa ter um canal de comunicação efetivo com o cliente e o e-mail é esse canal como vimos nos números de usuários.

Então, não adie seu sucesso, comece hoje mesmo a traçar seu caminho de sucesso e, claro, se precisar de ajuda conte com a gente.

Receba um diagnóstico completo grátis!